Numa belí­ssima manhã de outono, eu e Mergulhinha, de carona com o Carlos Jenné, subimos a Serra de Petrópolis. Paramos, como sempre no Alemão onde encontramos Fernando Prado e outro companheiro, e cedinho, ainda estava aquele friozinho característico de lá. A turma toda encasacada. A prova, uma homenagem ao Artur Lopes Lau do CTP falecido há poucos dias por problemas cardíacos, começou às 09:00 horas e terminou às 11:30 horas, o que, para 06 Pistas mais Cronógrafo, mostra muita organização. A temperatura de outono estava agradabilíssima e eu, já septuagenário, senti-me muito bem, ao contrário da competição anterior naquele Clube, onde, pelo forte calor do verão, procurava sentar-me a sombra e me hidratava em todos os intervalos de uma Pista para outra.

As Pista no CTP são todas muito caprichadas, com módulos, portas, tudo muito bem arrumado num sítio onde, ao chegarmos, topamos com esquilos (caxinguelês) nas árvores... Terminado o torneio, todos fomos lá para o varandão, onde alguns degustavam os salgadinhos da cantina, enquanto aguardávamos as apurações.

 

O movimento, os grupinhos e as conversas animadas, mostravam bem o que é uma confraternização deste Esporte Tiro. Voltamos, ele Jenné com a Medalha de 1º Lugar e eu, com a de 3º Lugar...

 

 




PISTA 2

  

 PISTA 4

 

 

 

 PISTA 6 (última)

 

 

 

 


 

Joomlashack