A II ETAPA ESTADUAL DE IPSC foi uma festa no Estado do Rio de Janeiro, na Associação de Tiro Duque de Caxias (ATDC).

 

 

Porque digo que foi uma festa? Primeiro por ser um dos Estados da Federação mais violentos do País, e a cidade do Rio de Janeiro, entrada principal do Brasil dos estrangeiros via Aeroporto Tom Jobim, que tem de passar pelo Complexo de Favelas da Maré, até este mês de junho ocupado por militares das FFAA (Marinha e Exército), por incrível que pareça, faz com que poucos adeptos do Tiro com armas de fogo, e consequentemente Clubes de Tiro, ocorram, ao contrário, por exemplo de São Paulo e Estados do Sul.

 

 

Com apenas dois ou três Clubes ativos na cidade do Rio, um em São Gonçalo, outro (este da reportagem) em Caxias, mais um em Saquarema e outro em Campos, convenhamos que é nada para o desenvolvimento deste antigo esporte.

 

Pista 1

 

O campeão em sua Divisão e TAG 

 

E nem podemos culpar a Lei do Desarmamento e as restrições sempre crescentes impostas pelo Exército. O que pesa no afastamento dos atletas é a real insegurança pública.

 

 

Nós, Atiradores Esportivos, gostamos de praticar o esporte e nossos alvos são de papel ou de metal. Não atiramos em “gente” e muito menos em animais.

 


Atirador Glaucio do CMVM

 

Segurança Pública é um direito sempre negado (por incompetência) ao cidadão e um dever do Estado. Ilícitos com armas de fogo, são problemas de Polícia.

 

 

E, para nossa sorte, grande parte dos companheiros que temos nos Clubes de Tiro são policiais, militares, civis ou federais, cônscios de sua profissão e seus deveres, e que buscam no aprimoramento pessoal (particularmente) aquilo que devia ser objeto de leis e regulamentos e não é.

 

Nas Redes Sociais, o Ten Pinho fez uma gozação pelo meu tamanho e uniforme americano:

 

E voltemos à nossa Festa que contou com 50 atletas inscritos, alguns, como o Bressan, vindos de outras cidades como Cabo Frio ou os RO (árbitros, no IPSC denominados Range Officers) que vieram do Clube de Tiro de Petrópolis, incluindo o Bauer, seu Presidente.

 


Failde, um dos RO's, e eu

 

Foram meia-dúzia Pistas, todas muito diversas  e bem montadas, com o capricho habitual da Denise Silva, segundo lugar na sua categoria na Divisão Revolver.

 

 

Este Redator-Chefe que em sua Divisão Production ficou no geral em quinto lugar, na sua Categoria (por idade), segundo lugar, apesar de em uma pista, ter sido penalizado por ter passado direto e esquecido um alvo.

 

PRODUCTION -- Overall Match Results

II ETAPA ESTADUAL DE IPSC - FTPRJ DIVISÃO

Classificação Nomes                                                                      Categoria            
01 JENNE, CARLOS  
02 NETO, ANTONIO S
03 FAILDE, PAULO SS
04 BRANCO SOUZA, JOAO MARCELO  
05 MERGULAO, LUIZ EUGENIO SS
06 COSTA, JOSE CARLOS SS

 

 

Só ali, perdi 20 pontos (falta dos dois impactos) e mais um EP (erro de procedimento por ter passado sem engajar o alvo)...

 

Atrás da pilha de pneus da esquerda... Note que passei, atirei no da direita e não olhei para a esquerda, passando direto...

 

Um pouco mais de atenção e teria me dado melhor. Aliás, como bem disse o Melo numa pista com 32 disparos mínimos (a maior da competição), não adiantava correr. O melhor era atirar com calma e precisão para não cair nas pegadinhas (alvos “escondidos”) ou os plates (pratos de metal) bem distantes...

 

 

Paralelo à competição, o conhecido Guga Ribas mantinha em uma das Pistas, um Curso para Inciantes de todas as idades, com airsoft, aonde eles, os alunos, ainda tinham o privilégio de acompanhar uma competição com tiro real de armas de fogo.

 

 

Foi uma bela festa, a confraternização entre bons amigos do Rio e de fora, e vou deixar que as fotos e filmetes, falem por si.

 

 

E que venham outras...

 

 

 Denise, assim se manifestou por e-mail a todos os envolvidos:

Denise Silva da ATDC: Agradecemos a presença dos Amigos na II Etapa do Estadual de IPSC. Resultados já publicados em nosso site; www.atdc.com.br/downloads/resultados/2015


Mais uma vez Guga Ribas promove evento trazendo novos amigos e parceiros para o desenvolvimento do Tiro no Rio de Janeiro.
Obrigado Guga, vc é Show!!

 

 


 

Joomlashack